AS COISAS QUE CRIEI, TODAS PARTIDAS

Menssagem de erro

Deprecated function: The each() function is deprecated. This message will be suppressed on further calls em menu_set_active_trail() (linha 2396 de /home/icones/www/angelomonteiro/includes/menu.inc).

As coisas que criei, todas partidas
Tive da existência na estreitura.
E quanto mais o tempo em mim se apura
Mais eu prevejo novas despedidas.

As causas que assumi, todas vencidas:
Cada combate um logro da aventura
E cada alvo desfeito uma armadura
Conquistada de todas as caídas.

De amanhecidos céus onde a corola
Ardendo a sua hóstia incendiada
Em nosso coração que se estiola?

Ao lar perdido volta a hóstia acesa:
E a vida que nos foi capturada
Reflete os céus como água de represa.

Autor: 
Ângelo Monteiro
Livro: 
O Exílio de Babel

Comentários

Comentar

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.